100 dias: Os Primeiros Passos pela Primeira Infância – Parentalidade

Os 100 primeiros dias de mandato – seja ele de continuidade ou não – são essenciais para planejar e definir as políticas dos próximos anos, que permitam não só ampliar a oferta como também investir em qualificação do atendimento à primeira infância.

Por isso, a Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal produziu a série 100 dias: Os Primeiros Passos pela Primeira Infância, com a publicação de quatro guias práticos: Educação Infantil, Parentalidade, Saúde e Gestão e Orçamento, além de um volume especial sobre volta às aulas com segurança na pandemia.

Nesta edição dedicada à Parentalidade, reunimos orientações de políticas públicas, programas e ações que garantam aos pais e cuidadores condições de potencializar o desenvolvimento das crianças, do nascimento ao seis anos.

O que se busca com essas intervenções de parentalidade é chamar a atenção para a importância dos estímulos adequados na primeira infância, apoiar a construção de caminhos para interação positiva e, consequentemente, promover uma mudança de comportamento dos cuidadores.

O fortalecimento de práticas e comportamentos positivos nas atividades mais rotineiras vivenciadas entre os adultos e as crianças, embora desafiador, é especialmente poderoso, porque vai afetar positivamente não apenas aquela criança especificamente, mas também a família como um todo. Acesse o material e veja outros benefícios dessas intervenções.

PARA APROFUNDAR